Veja fotos detalhadas do XB-70 Valkyrie, o maior bombardeiro a atingir Mach 3 | TechBreak - Tudo sobre Tecnologia

Veja fotos detalhadas do XB-70 Valkyrie, o maior bombardeiro a atingir Mach 3

Veja fotos detalhadas do XB-70 Valkyrie, o maior bombadeiro a atingir Mach 3. Foto: Reprodução Facebook
Veja fotos detalhadas do XB-70 Valkyrie, o maior bombadeiro a atingir Mach 3. Foto: Reprodução Facebook
Veja fotos detalhadas do XB-70 Valkyrie, o maior bombadeiro a atingir Mach 3. Foto: Reprodução Facebook

O icônico XB-70 Valkyrie foi o projeto de super-bombardeiro mais ambicioso da Guerra Fria. O enorme bombardeiro de seis motores foi programado para ser o melhor bombardeiro nuclear tripulado americano de alta altitude, alta velocidade e penetração profunda, projetado para voar alto e rápido, a fim de ficar protegido dos interceptadores soviéticos.

+ Com look de oncinha, Gracyanne Barbosa encanta em ensaio ousado
+ Mc Mirella mostra processo para ter a marquinha biquíni perfeita
+ Na praia, Simaria faz ensaio ousado e esquenta o clima nas redes sociais

Veja fotos detalhadas do XB-70 Valkyrie, o maior bombadeiro a atingir Mach 3. Foto: Reprodução Facebook
Veja fotos detalhadas do XB-70 Valkyrie, o maior bombadeiro a atingir Mach 3. Foto: Reprodução Facebook

No final, ele teve uma carreira muito curta, mas se tornou o maior e mais pesado avião a voar a Mach 3.

Dois protótipos Valkyrie foram construídos pela North American Aviation antes que a Administração Kennedy cancelasse o programa como consequência das dúvidas que cercavam o futuro dos bombardeiros tripulados , consideradas plataformas obsoletas para enfrentar a ameaça representada pelos SAMs (Mísseis terra-Ar) soviéticos aos bombardeiros estratégicos de alta altitude. Além disso, no papel de penetração de baixo nível, o B-70 ofereceu pouca melhoria de desempenho em relação ao B-52 que foi projetado para substituir, só que, era muito mais caro e com alcance menor.

Veja fotos detalhadas do XB-70 Valkyrie, o maior bombadeiro a atingir Mach 3. Foto: Reprodução Facebook
Veja fotos detalhadas do XB-70 Valkyrie, o maior bombadeiro a atingir Mach 3. Foto: Reprodução Facebook

Mais de 50 anos após seu último vôo, o único XB-70 Valkyrie restante está entre os destaques em exibição no Museu Nacional da Força Aérea dos EUA na Base Aérea Wright-Patterson em Dayton, Ohio . No mês passado, a equipe de mídia social do Museu publicou algumas fotos realmente impressionantes da aeronave no Facebook.

Veja fotos detalhadas do XB-70 Valkyrie, o maior bombadeiro a atingir Mach 3. Foto: Reprodução Facebook
Veja fotos detalhadas do XB-70 Valkyrie, o maior bombadeiro a atingir Mach 3. Foto: Reprodução Facebook

O XB-70A número 1 (62-001) fez seu primeiro vôo em 21 de setembro de 1964. O segundo XB-70A (62-207) fez seu primeiro vôo em 17 de julho, 1965. Este último diferia do primeiro protótipo por ter sido construído com 5 graus adicionais de diedro nas asas, conforme sugerido pelo Centro de Pesquisa Ames da NASA, Moffett Field, CA, estudos de túnel de vento.

Veja fotos detalhadas do XB-70 Valkyrie, o maior bombadeiro a atingir Mach 3. Foto: Reprodução Facebook
Veja fotos detalhadas do XB-70 Valkyrie, o maior bombadeiro a atingir Mach 3. Foto: Reprodução Facebook

Enquanto o 62-001 fez apenas um vôo acima de Mach 3, devido à baixa estabilidade direcional experimentada além de Mach 2.5, o segundo XB-70 atingiu Mach 3 pela primeira vez em 3 de janeiro de 1966 e completou com sucesso um total de nove Mach 3 voos até junho do mesmo ano.

Veja fotos detalhadas do XB-70 Valkyrie, o maior bombadeiro a atingir Mach 3. Foto: Reprodução Facebook
Veja fotos detalhadas do XB-70 Valkyrie, o maior bombadeiro a atingir Mach 3. Foto: Reprodução Facebook

No entanto, em 8 de junho de 1966, o XB-70 62-207 se envolveu em um dos mais famosos e trágicos acidentes da aviação militar quando colidiu com um avião civil enquanto voava em formação como parte de sessão de fotos publicitárias (envolvendo um T-38 Talon, um F-4B Phantom II e um YF-5A Freedom Fighter.) em Barstow, Califórnia, fora da área de teste da Base da Força Aérea de Edwards no Deserto de Mojave. A pesquisa continuou com o protótipo número 1 do XB-70A, com um primeiro voo da NASA em 25 de abril de 1967 e o último em 4 de fevereiro de 1969.

Veja também:

+ Descubra as maiores tendências de cozinha que estão bombando em 2021

+ Cozinha afetiva: dicas e inspirações para uma decoração que exalta as memórias

+ A “Moto do Ano 2021” na Alemanha

+ Dançarina é condenada 3 anos de prisão por causa de vídeos no TikTok

+ Conheça o iate de luxo de Giorgio Armani: ele mesmo projetou e custa R$ 330 milhões

+ Cozinhas coloridas: veja dicas essenciais para apostar em projetos alegres, modernos e joviais

+ Previsões de Nostradamus para 2021: Asteróide e ‘fim de todo o mundo’

+ Bruna Lombardi posta foto nua aos 68 anos

+ Bruna Marquezine posa de biquíni no Copacabana Palace. Confira as fotos!

+ Os 3 signos mais sensitivos do zodíaco

+ Os ‘Sapatos de Satanás’ do rapper Lil Nas X conterão uma gota de sangue humano

+ O bico do seu p… é rosa? Juliana Caetano, responde a fã de maneira ousada






  • arrow