Google Doodle homenageia a vida do filósofo alemão Anton Wilhelm Amo | TechBreak - Tudo sobre Tecnologia

Google Doodle homenageia a vida do filósofo alemão Anton Wilhelm Amo

Google Doodle homenageia a vida do filósofo alemão Anton Wilhelm Amo. Foto: Reprodução Google
Google Doodle homenageia a vida do filósofo alemão Anton Wilhelm Amo. Foto: Reprodução Google
Google Doodle homenageia a vida do filósofo alemão Anton Wilhelm Amo. Foto: Reprodução Google

O Google Doodle de hoje 10/10 homenageia o filósofo, escritor afro-alemão Anton Wilhelm Amo.

Amo nasceu por volta de 1703 perto da cidade de Axim, na Costa do Ouro da África (hoje Gana). Trazido para a Alemanha pela Companhia Holandesa das Índias Ocidentais em 1707 quando criança, e dado como um presente aos duques Augusto Wilhelm e Ludwig Rudolf von Wolfenbüttel, ele foi tratado como membro da família por seu pai Anthony Ulrich, duque de Brunswick-Wolfenbüttel.

+ Comercial do Xbox X/S tem ator do filme “Pantera Negra”
+ Ator e diretor Cecil Thiré morre aos 77 anos
+ Honda SH 300i fica até R$ 3.600 mais barata e com um ano de seguro gratuito
+ Seis regiões do estado de São Paulo passam para a fase verde
+ Boom lança seu jato demonstrador supersônico XB-1 “Baby Boom”

Anton tornou-se o primeiro africano a obter um Ph.D. em filosofia em uma universidade europeia.

Ele passou a lecionar filosofia nas Universidades de Halle e Jena e se tornou um dos mais famosos filósofos do século XVIII. Nesse dia de 1730, Amo recebeu o equivalente a um doutorado em filosofia pela Universidade de Wittenberg, na Alemanha.

Embora as circunstâncias de sua mudança não sejam claras, Amo cresceu em Amsterdã, onde recebeu o nome de Anton Wilhelm pela família com quem morava.

Amo publicou trabalhos em varias disciplinas, da filosofia à psicologia, e se estabeleceu como um renomado pensador iluminista. Ele passou a lecionar em várias universidades alemãs e também encontrou tempo para dominar sete idiomas durante sua vida. Um influente campeão pela causa da abolição.

Amo acabou enfrentando o racismo e a oposição às suas crenças. Em 1747, ele navegou de volta ao atual Gana, onde permaneceu pelo resto de sua vida.

Em homenagem ao legado de Amo, a Universidade Martin Luther de Halle-Wittenberg ergueu uma estátua à sua semelhança em 1965. Em agosto de 2020, Berlim anunciou planos de dar o seu nome a uma rua no distrito de Mitte.

O Google Doodle foi ilustrado pela artista convidada residente em Berlim, Diana Ejaita.

Em colaboração com o site Saiba de Tudo

Veja também:

+ Descubra as maiores tendências de cozinha que estão bombando em 2021

+ Cozinha afetiva: dicas e inspirações para uma decoração que exalta as memórias

+ A “Moto do Ano 2021” na Alemanha

+ Dançarina é condenada 3 anos de prisão por causa de vídeos no TikTok

+ Conheça o iate de luxo de Giorgio Armani: ele mesmo projetou e custa R$ 330 milhões

+ Cozinhas coloridas: veja dicas essenciais para apostar em projetos alegres, modernos e joviais

+ Previsões de Nostradamus para 2021: Asteróide e ‘fim de todo o mundo’

+ Bruna Lombardi posta foto nua aos 68 anos

+ Bruna Marquezine posa de biquíni no Copacabana Palace. Confira as fotos!

+ Os 3 signos mais sensitivos do zodíaco

+ Os ‘Sapatos de Satanás’ do rapper Lil Nas X conterão uma gota de sangue humano

+ O bico do seu p… é rosa? Juliana Caetano, responde a fã de maneira ousada






  • arrow