Covid-19 afeta qualidade dos espermatozoides, apontam estudos | TechBreak - Tudo sobre Tecnologia

Covid-19 afeta qualidade dos espermatozoides, apontam estudos

Startup brasileira desenvolve autoteste que detecta todas as variantes do novo coronavírus

Estudos realizados pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo e publicados nos últimos meses apontam que o SARS-CoV-2, o vírus causador da covid-19, também infecta os testículos, prejudicando a capacidade das gônadas masculinas de produzir espermatozoides e hormônios.

+ Embraer entrega o seu 1.500º jato executivo
+ Chilli Beans lança óculos pendrive em coleção assinada por DJ Alok
+ WhatsApp ganha stickers de La Casa de Papel

“É muito preocupante como o novo coronavírus afeta os testículos, mesmo nos casos assintomáticos ou pouco sintomáticos da doença. Entre todos os agentes prejudiciais aos testículos que estudei até hoje, o SARS-CoV-2 parece ser muito atuante”, aponta para a Agência Fapesp o andrologista Jorge Hallak, professor da Faculdade de Medicina da USP e coordenador do Grupo de Estudos em Saúde do Homem do Instituto de Estudos Avançados.

Em um estudo com 26 pacientes que tiveram covid-19, os pesquisadores verificaram por meio de exames de ultrassom que mais da metade deles apresenta inflamação no epidídimo – estrutura responsável pelo armazenamento dos espermatozoides e onde eles adquirem a capacidade de locomoção.

Outro estudo recém-publicado pelo mesmo grupo de pesquisadores e também apoiado pela FAPESP indicou que o SARS-CoV-2 invade todos os tipos de células testiculares, causando lesões que podem prejudicar a função hormonal e a fertilidade masculina.




  • arrow