Black Friday: Procon-SP registra aumento de 62% nas reclamações | TechBreak - Tudo sobre Tecnologia

Black Friday: Procon-SP registra aumento de 62% nas reclamações

Black Friday: veja as dicas para não ser enganado
Black Friday: veja as dicas para não ser enganado
Black Friday: Procon-SP registra aumento de 62% nas reclamações

Entre o primeiro boletim desta sexta-feira (27), com dados até as 9h, e o segundo, até as 13h, as demandas relacionadas a Black Friday registradas no Procon-SP tiveram aumento de 62%. Foram 209 reclamações e 129 consultas e denúncias nas redes sociais totalizando 338 queixas.

+Smartphone é o eletrônico mais desejado na Black Friday, aponta a Samsung
+MEC lança jogo virtual para ajudar na alfabetização de crianças
+Learjet R-35A da FAB realiza sua última missão operacional

Os principais problemas apresentados foram: maquiagem de preço (desconto oferecido sobre o preço do produto e ou serviço não é real) com 61 registros; pedido cancelado após finalização da compra, 36; produto e/ou serviço indisponível 34; mudança de preço ao finalizar a compra, 33.

A empresa mais reclamada até o momento é a B2W Companhia Digital (americanas.com, Submarino, Shoptime, Soubarato com 20 reclamações. Em seguida aparece Via Varejo (Casas Bahia, Pontofrio e Extra.com.br), 15; Kabum Comércio Eletrônico S/A, 13, Magazine Luiza, 11 e Pão de Açúcar, dez.

O Procon-SP disponibiliza no seu site (https://bit.ly/3lidaWB) e aplicativo um espaço específico para quem tiver problemas durante a Black Friday. A reclamação registrada no botão Black Friday será enviada imediatamente para o fornecedor, que terá até dez dias para dar uma solução ao consumidor.




  • arrow