96% das mortes por covid-19 no Brasil são de quem não tomou vacina, aponta estudo | TechBreak - Tudo sobre Tecnologia

96% das mortes por covid-19 no Brasil são de quem não tomou vacina, aponta estudo

Startup brasileira desenvolve autoteste que detecta todas as variantes do novo coronavírus

Um levantamento feito por meio da plataforma de monitoramento Info Tracker, desenvolvida por pesquisadores da USP (Universidade de São Paulo) e da Unesp (Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho), mostrou que, atualmente, as mortes por covid-19 no Brasil envolvem majoritariamente pessoas não vacinadas.

+ Apple libera aplicativos de delivery de maconha; entenda
+ TikTok ultrapassa Facebook como aplicativo mais baixado de 2020
+ Twitter muda fonte e atualiza aparência da rede social

De acordo com o estudo, 9.878 pessoas que morreram devido à infecção por SARS-CoV-2, entre fevereiro e julho, haviam tomado as duas doses ou a dose única das vacinas em uso no Brasil.  A pesquisa foi feita com base em números do Ministério da Saúde a partir de 28 de fevereiro, quando as primeiras pessoas completaram o esquema vacinal após receber a segunda dose, até 27 de julho.

O indicador corresponde a 3,68% do total de mortes por covid-19 no mesmo período. Esses dados confirmam que a vacinação contra a covid-19 contribui radicalmente para reduzir o número de casos graves, internações e mortes causadas pela doença, mas não protegem contra infecção e não impedem que o vírus seja transmitido.

Ou seja: enquanto o SARS-CoV-2 continuar circulando livremente como acontece hoje no país, as pessoas vão continuar ficando doentes e nem todos vão resistir à infecção – mesmo estando vacinados. Os dados foram divulgados na plataforma de preprints SSRN e estão em processo de revisão por pares.




  • arrow